FRENTE PARLAMENTAR EM DEFESA DA MULHER DA AL/CE COBRA DO GOVERNO INFORMAÇÕES SOBRE POSSÍVEIS FILAS DE EXAMES DE BIOPSIA ~ Blog do Lenno Barbosa Parambu

FRENTE PARLAMENTAR EM DEFESA DA MULHER DA AL/CE COBRA DO GOVERNO INFORMAÇÕES SOBRE POSSÍVEIS FILAS DE EXAMES DE BIOPSIA

 Deputada Aderlânia Noronha (SD) assina requerimento na AL/CE em defesa da saúde da mulher e cobra informações do governo do estado sobre a biopsia da mama oferecido as mulheres pela rede pública de saúde.

Nesta quarta-feira, 22, no plenário 13 de Maio da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (AL/CE), a deputada estadual Aderlânia Noronha (SD) usou a tribuna para dizer que assinou requerimento de autoria da Frente Parlamentar em Defesa da Mulher, da qual a deputada é integrante, solicitando informações sobre os exames de mamografia, bem como, uma possível fila de aproximadamente 6 mil mulheres que estariam aguardando para fazer o exame da biopsia da mama pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Por meio do exame da biopsia se tem exatidão do diagnóstico da doença e a partir daí, o direcionamento é dado, assim como o tratamento adequado.

A deputada preocupada com assunto, e se confirmada como verídicas as informações repassadas teremos um descaso na saúde pública do Estado, especialmente sobre as filas da biopsia da mama. Ela ressaltou que as informações têm que ser repassadas a sociedade e providências devem ser tomadas com urgência pelas autoridades competentes.

Segundo informações de membros da Rede Mama, as mulheres que estão aguardando para fazer a biopsia estão sofrendo por conta do descaso e demora no atendimento. Muitas delas, estão vindo a óbito devido à falta do exame para se ter um diagnóstico preciso da doença, e assim, iniciar o devido tratamento.  Essas denúncias foi o que embasou a frente parlamentar entrar com o requerimento e a deputada Aderlânia Noronha está vigilante em favor dessas mulheres.

Entretanto, o governo do estado explica que as biopsias estão sendo realizadas, mas as mulheres não estão indo buscar o resultado por inúmeras razões, entre eles, pela falta de informação.

De acordo com a Deputada Aderlânia Noronha (SD), existe uma profunda desinformação por parte da sociedade entre esse assunto e outros que envolvem saúde pública. “Quero lamentar profundamente que nosso Ceará não existam campanhas de conscientização e orientação envolvendo a sociedade sobre assuntos de interesse a população”, pontuou.

Fonte: Folha do sertão 


 



Postar um comentário